sexta-feira, 27 de novembro de 2009

Friday i'm in love


Hoje é sexta-feira e como sempre, uma alegria invade meu coração rs. Dia de sol, vontade de chopp, de dormir até tarde, ir ao cinema, encontrar quem amo etc. Deixo aqui um poema do Vinícius de Moraes para inspirar o final de semana de vocês. Divirtam-se, atrevam-se, tomem um banho de mar, visitem uma cachoeira, digam eu te amo, apaixonem-se e aproveitem!

"Como dizia o poeta
Quem já passou por essa vida e não viveu
Pode ser mais, mas sabe menos do que eu
Porque a vida só se dá pra quem se deu
Pra quem amou, pra quem chorou, pra quem sofreu
Ah, quem nunca curtiu uma paixão nunca vai ter nada, não
Não há mal pior do que a descrença
Mesmo o amor que não compensa é melhor que a solidão...”
Vinícius de Moraes.

quinta-feira, 26 de novembro de 2009

Boa leitura


Algum livro já mexeu com você? Já se entregou a alguma obra literária ao ponto de perder a hora para um compromisso? Adoro encontrar livros que me fazem perder o rumo sem nem perceber. Esse é o tema deste post. Abaixo cito alguns livros que gostei bastante de ler.  Quem tiver uma dica de leitura, pode mandar!

1- O Estrangeiro, de Albert Camus (Esse é um dos melhores livros que li na minha vida. Traz a história de um homem que é preso e condenado a morte sem ser culpado de fato. Muito bom, o livro nos faz sentir compaixão, raiva e tristeza pelo personagem principal);
2- A hora da estrela, de Clarice Lispector ( o livro traz a história da nordestina Macabéa. Você torce pela mulher, esperando que algo faça a sua vida mudar. Bem legal);
3- Quando Nietzsche Chorou, de Irvin D. Yalom ( o livro trata do fictício encontro entre Nietzsche, Freud e Josef Bauer. Um romance inteligente que une filosofia e psicanálise);
4-100 anos de Solidão, de Gabriel García Márquez (Amo esse livro! A obra narra a história dos “Buendía” – a estirpe dos solitários para qual nada será dada uma segunda oportunidade sobre a terra. Um dos livros mais lidos do mundo);
5- Ensaio sobre a cegueira, De José Saramago (Um motorista parado no sinal se descobre subitamente cego. Logo a cegueira se espalha contaminando o mundo todo, exceto uma mulher);
6- A casa dos budas ditosos, de João Ubaldo Ribeiro (A obra faz parte da coleção Plenos Pecados e traz a história de CLB, uma mulher de 68 anos, nascida na Bahia e residente no Rio de Janeiro, que jamais se furtou de viver – com todo o prazer e sem respingos de culpa;
7- O Muro, de Jean Paul Sartre (Sem comentários. São diversos contos excelentes);
8- O Processo, de Franz Kafka (Um homem chega em casa e descobre que está sendo processado por algo que ele próprio desconhece. O final é maravilhoso);
9- Eu ouviria as piores notícias dos seus lindos lábios, de Marçal Aquino ( Conta a história de Cauby, um fotógrafo de 40 anos que vai parar em uma cidade de garimpo do Pará e acaba vivendo um romance clandestino com uma mulher misteriosa. Uma trama exótica e bem interessante);
10- Dom Quixote de La Mancha, de Miguel de Cervantes (Considerada a melhor obra literária de todos os tempos por muitos especialistas, o livro conta a história de um homem que se entrega à leitura de alguns romances, perde o juízo, acredita que tenham sido historicamente verdadeiros e decide tornar-se um cavaleiro andante).

PS: Não indico na lista acima, mas faço questão de assumir aqui que exite uma parte mim (doa a quem doer) que se diverte horrores lendo livros como os da saga Crepúsculo: Crepúsulo, Lua Nova, Eclipse e Amanhecer. Li todos e gostei. Pronto! Falei!

OBS: O lindo trabalho de escultura em livros é de Su Blackwell: http://www.sublackwell.co.uk/index.php





quinta-feira, 19 de novembro de 2009

Viva o feriado!

Só quem trabalha sabe o real valor que um feriado tem. Semana após semana trabalhando oito ou mais horas por dia, o feriado cai como um presente do céu para recarregar as energias.  Sempre achei que quem não gosta de feriado é mal humorado ou mal amado (uma coisa atrai a outra). Bom, como também sou filha de Deus, amanhã é feriado aqui no Rio de Janeiro, lá fora faz sol e certamente me encontrarei com pessoas que amo nos próximos dias. Para comemorar o feriado, coloquei abaixo algumas receitas para quem pretende receber os amigos nos próximos dias. Fora isso, é só abrir a cerveja, servir o vinho e se divertir. Vida o feriado!

Brusquetta Tradicional
Ingredientes
1 Pão Italiano
3 tomates vermelhos picados
4 Manjericão
5 Azeite
6 Sal
7 pimenta do reino (opcional)
8 1 dente de alho

Modo de preparo
Corte fatias de pão, da espessura de 1 dedo. Regue com “um fio” de azeite virgem. Leve ao forno por 5 minutos, em temperatura média.
Enquanto isso, coloque 3 colheres de sopa de azeite em uma frigideira e refogue o alho, os tomates, já previamente temperados com sal e pimenta.
Retire a assadeira com as fatias de pão do forno e cubra cada uma das fatias com o tomate refogado. Salpique com o majericão picado.

BATATAS FRITAS AO CURRY
Ingredientes
1 kg de batata
3 colheres (sopa) de manteiga
1 colher (sopa) de curry
sal a gosto

Modo de Preparo
1. Descasque as batatas. Corte-as ao meio no sentido do comprimento. Em seguida, corte cada metade em 3 palitos grossos.
2. Coloque as batatas numa panela com água fria, suficiente para cobri-las, e leve ao fogo. Quando a água ferver, conte 3 minutos e desligue o fogo. Escorra a água quente e passe as batatas por água corrente fria para cessar o cozimento.
3. Em outra panela, coloque a manteiga e leve ao fogo baixo. Quando derreter, junte o curry, misture e deixe cozinhar por 3 minutos. Acrescente as batatas e misture bem.
4. Tampe a panela e sacuda de vez em quando para misturar as batatas (não mexa com a colher para não quebrar as batatas). Deixe cozinhar desta forma até que as batatas fiquem macias - aproximadamente 15 minutos.
5. Retire do fogo e sirva a seguir.

APERITIVO DE TOMATE COM QUEIJO LIGHT
Ingredientes
20 g / 8 tomates-cereja
40 g de queijo minas
16 folhas de manjericão

Modo de Preparo
1. Lave bem os tomates e as folhas de manjericão sob água corrente. Numa tábua, corte os tomates ao meio.
2. Corte uma fatia de queijo-de-minas com 0,5 cm de espessura. Com um cortador redondo, corte discos com o diâmetro um pouco maior que o do tomate.
3. Para montar o aperitivo, com um palitinho espete uma metade de tomate, uma folha de manjericão, uma rodela de queijo, outra folha de manjericão e mais uma metade do tomate. Repita o procedimento com todos os tomates. Sirva a seguir.

AMENDOIM PICANTE
Você só vai precisar de um pouco de pimenta, canela, páprica, uvas-passas e 10 minutos! Ainda é fácil e rápido.
Ingredientes
4 xícaras (chá) de amendoim torrado e sem pele
1 colher (chá) de pimenta-de-caiena
1 colher (chá) de páprica doce
1 pitada de canela em pó
1/2 xícara (chá) de uvas-passas brancas

Modo de Preparo
Em uma tigela, misture muito bem todos os ingredientes. Deixe descansar por 10 minutos para pegar bem o sabor. Sirva em tigelinhas.

Fonte: Site Panelinha e Homens da Cozinha.

quarta-feira, 18 de novembro de 2009

E se...


A intimidade exposta na janela
Nem o vento ou a escuridão a distrai

A vontade de esquecer-se de tudo
A necessidade e a obrigação de fugir

A paixão, o desejo e o apagar das luzes
A culpa, a saudade e as sombras

E se ela tentasse? E se ela assumisse?
E se ela fosse embora? E se ela desistisse?

Aline Calamara

segunda-feira, 9 de novembro de 2009

500 dias com ela - minha dica de filme


Neste final de semana fui ao cinema ver o filme 500 dias com ela (500 days of Summer). O filme é muito fofo e consegue trazer um tema relativamente comum de uma forma criativa. Contada através de episódios não-lineares, a trama acompanha os 500 dias em que o personagem Tom (Joseph Gordon-Levitt) passa apaixonado pela colega de trabalho Summer (Zooey Deschanel), que não acredita no amor. O filme é recheado de referências à cultura pop e com forte apelo musical, já que bandas como Belle and Sebastian, The Clash e The Smiths tocam diversas vezes durante o longa. Vindo de uma carreira como realizador de videoclipes da MTV, o diretor Marc Webb consegue fugir do velho clichê “felizes para sempre”.

O que mais gostei, foi a forma como o filme retrata a tristeza de Tom pela possibilidade de perder seu amor. A trama percorre as idas e vindas do relacionamento de uma forma bem agradável de acompanhar. Trágico e divertido, assim como o amor.

sexta-feira, 6 de novembro de 2009

Hoje















Hoje o céu está mais claro
Hoje há mais esperança em seu olhar
Hoje ela tem vontade de escrever
Hoje ela deseja lhe ver.

Hoje não há nada que a impeça de sonhar
Hoje ela sabe que está tudo em suas mãos
Hoje ela tem forças para lutar
Hoje ela não vai mais lhe esperar.

Hoje é mais do que um dia. Hoje é mais do que um momento.
Hoje é um sentimento, de que tudo vai melhorar.

Aline Calamara.


“Suponho que me entender não é uma questão de inteligência e sim de sentir, de entrar em contato... Ou toca, ou não toca”.
Clarice Lispector.



terça-feira, 3 de novembro de 2009

Woody Allen

CCBB promove mostra sobre Wood Allen


Como AMO os filmes do Wood Allen (Annie Hall principalmente) estou divulgando aqui o evento que o CCBB começa a promover hoje sobre o cineasta.
Começa terça-feira, dia 3 de novembro, a mostra “A Elegância de Woody Allen”, no Centro Cultural Banco do Brasil, no Rio de Janeiro.

Durante quase um mês serão exibidos todos os longas do cineasta, incluindo o mais recente “Tudo Pode Dar Certo” (no original “Whatever Works”) e uma série de filmes que ele participa como roteirista e ator, além de outros que foram feitos em homenagem a ele.
Para completar, debates e cursos ministrados por especialistas. Em São Paulo, a mostra estréia no dia 18 de novembro e fica até 13 de dezembro.Programa obrigatório aos amantes de cinema.


Serviço:
Mostra “A Elegância de Woody Allen”
De 3 a 29 de novembro
Bilheteria/Informações: Terça a domingo, das 10h às 21h.
Endereço: Rua Primeiro de Março, 66 - Centro
Local: Cinema 1 e 2
Ingressos: R$ 6 (inteira)
R$ 3 (meia)